Questão dos Sudetas

O território dos Sudetas era uma região da Boémia onde predominava população de origem alemã; na década de 30, fazia parte da Checoslováquia.
Desta população de origem germânica destacou-se, desde a ascensão de Hitler na Alemanha, uma forte minoria que se agrupou num partido chamado Partido dos Alemães dos Sudetas, dirigido por Conrad Heinlein. A atuação deste partido teve um objetivo muito claro: exigir a separação da província dos sudetas do Estado checoslovaco e sua reunião com o III Reich. Pelos acordos de Munique de 1938, e tendo em vista acalmar as intenções expansionistas hitlerianas satisfazendo parte delas, os territórios da Checoslováquia, cuja população era de origem alemã, passariam a integrar o Reich. Esta anexação, cedo completada pela ocupação de toda a Boémia-Morávia pelas tropas alemãs, foi um dos principais motivos para a eclosão da Segunda Guerra Mundial.
Como referenciar: Questão dos Sudetas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-14 14:28:43]. Disponível na Internet: