Real Colégio dos Nobres

Fundado em 1761, com o nome de Colégio Real dos Nobres da Corte e Cidade de Lisboa, inseria-se na nova configuração que foi dada às instituições de carácter educativo pelo Marquês de Pombal. Após a frequência do colégio, os jovens fidalgos estavam habilitados a ingressar no ensino superior. Contudo, apenas um ano após a criação do Colégio, foi abandonado o ensino científico. Com as reformas liberais, o Colégio passou a aceitar alunos independentemente da sua classe social. Foi encerrado em 1838, destinando-se o seu edifício às atividades da Escola Politécnica de Lisboa.
Como referenciar: Real Colégio dos Nobres in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-21 07:00:15]. Disponível na Internet: