refrigeração

A refrigeração consiste num processo de arrefecimento de uma substância e manutenção desta a temperatura inferior à da temperatura atmosférica normal.
A grande parte dos frigoríficos comerciais utiliza o sistema de compressão-absorção.
Este processo consiste em fazer circular o ar através de uma serpentina, na qual se evapora o refrigerante, absorvendo calor daquele ar arrefecendo-o. No ciclo de compressão de vapor, o refrigerante (normalmente amónia, dióxido de enxofre ou um alcano halogenado) passa através de um evaporador onde entra em ebulição, absorvendo calor da câmara frigorífica. O vapor é depois comprimido num compressor onde a sua temperatura e pressão aumentam. O vapor comprimido passa em seguida através de um condensador onde o refrigerante liberta o calor. Este líquido passa por uma válvula de expansão para expandir o líquido até uma pressão baixa e finalmente entra novamente no evaporador.
No ciclo de absorção de vapor, não existem partes móveis e a energia é fornecida sob a forma de calor. O refrigerante (normalmente amoníaco) é libertado de uma solução aquosa e desloca-se através do evaporador por uma corrente de hidrogénio gasoso sob pressão. O calor é aplicado ao gerador, arrastando o amoníaco e o vapor de água para o separador. O amoníaco separa-se da água e passa para o condensador onde é arrefecido e liquefeito, libertando o seu calor.
Em seguida, o amoníaco líquido é misturado com hidrogénio gasoso, que o transporta através do evaporador e auxilia no processo de evaporação. Finalmente, o hidrogénio e o amoníaco entram no absorvedor, onde a água fornecida pelo separador dissolve o amoníaco antes deste ser devolvido ao gerador.
Como referenciar: refrigeração in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-20 08:17:54]. Disponível na Internet: