rêverie

Termo criado por Sigmund Freud para caracterizar as produções mentais imaginárias, mas originadas num estado de vigília. É uma atividade psíquica que produz uma fantasia. Esta fantasia acontece enquanto o sujeito está acordado, apesar de ser semelhante aos sonhos noturnos. Trata-se de divagações ou devaneios imaginados, mas não sonhados enquanto sonho realizado durante o sono.
A semelhança entre a rêverie e os sonhos noturnos surge enquanto objetivo, já que ambas as situações visam a satisfação e realização de desejos e são constituídas pelas mesmas operações psíquicas existentes no trabalho do sonho: a condensação e a deslocação.
Para Freud, esta atividade é um dos fatores presentes na criação literária.

Como referenciar: rêverie in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-17 22:33:56]. Disponível na Internet: