Reviver o Passado em Brideshead

A série televisiva inglesa Reviver o Passado em Brideshead foi estreada em 1981, após um conturbado processo de filmagens que começou em 1979. Chegou pouco depois a Portugal, onde passou com sucesso no canal 1 da Radiotelevisão Portuguesa.
Esta série é uma produção da Granada Television com realização de Michael Lindsay-Hogg e Charles Sturridge. O argumento, uma adaptação de John Mortimer de uma obra de Evelyn Waugh, conta a história de dois amigos ingleses, Sebastian Flyte (interpretado por Anthony Andrews) e Charles Ryder (interpretado por Jeremy Irons), que se conheceram na Universidade de Oxford. Ryder, que não tem amigos nem família, tornou-se amigo de Andrews quando este partiu um pé e precisava de companhia enquanto recuperava na casa de família em Brideshead. Assim Ryder acabou por se envolver com a família do amigo, que era católica e pertencia à pequena nobreza numa região protestante. Os dois amigos tornaram-se muito próximos e apaixonaram-se só que Sebastian era muito possessivo e tentava manter Charles afastado da sua família.
Os dois amigos acabaram por se separar, tendo Sebastian ido viver para Marrocos. Quando a sua mãe ficou muito doente, Charles foi procurá-lo, mas encontrou-o também muito debilitado e incapaz de regressar a Inglaterra. Sebastian só regressou 25 anos mais tarde para morrer em Brideshead, numa altura em que a sua irmã mantinha um caso amoroso com Charles. Mas a irmã de Sebastian terminou a relação com Charles, que assim deixou de ter qualquer ligação a Brideshead. A história da série é contada em flashback pela personagem de Jeremy Irons. Ryder, oficial do exército britânico durante a Segunda Guerra Mundial, foi colocado com a sua companhia numa casa de campo inglesa, que ele vem a constatar ser precisamente a antiga residência da família Flyte em Brideshead. Ryder começou então a recordar episódios da sua juventude, vivida com muita fé e angústia.
Reviver o Passado em Brideshead recebeu, em 1983, um Globo de Ouro por ter sido considerada a melhor mini-série do ano. O ator Anthony Andrews também recebeu um Globo de Ouro de Melhor Ator em mini-série devido à sua interpretação de Sebastian Flyte. Refira-se que inicialmente estava previsto que Andrews representasse o papel de Ryder, e Irons o de Flyte. No entanto, por opção dos dois atores, resolveram trocar de papéis.
A série foi filmada no Reino Unido e em Veneza, na Itália, e o castelo Howard foi o escolhido para cenário de Brideshead. Os atores consagrados John Gielgud e Laurence Olivier também participaram nesta mini-série.
Como referenciar: Reviver o Passado em Brideshead in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 17:06:10]. Disponível na Internet: