Roberto Ampuero

Escritor chileno nascido em 1953, em Valparaiso, no Chile.
Os seus estudos decorreram sucessivamente no Colégio Alemão de Valparaiso e na Universidade do Chile, onde frequentou o curso de Antropologia Social e Literatura Latino-americana.
Em 1973, na sequência do golpe militar que levou Augusto Pinochet ao poder, Ampuero fugiu do Chile e exilou-se em Cuba. Esteve seis anos a viver em Cuba, onde estudou Literatura, mas, desiludido com o regime comunista que lá vigorava, mudou-se em 1980 para a República Democrática Alemã, onde esteve três anos. Durante este período, escreveu em 1982 o romance juvenil La Guerra de los Duraznos, que relata a história das crianças de Valparaiso durante a ditadura de Pinochet, e em 1983 Un Canguru en Bernau, uma coleção de contos.
Depois, passou a fronteira para a República Federal da Alemanha, onde viveu até 1997, tendo exercido a profissão de jornalista paralelamente à de escritor.
Em 1992, regressou pela primeira vez ao Chile e, no ano seguinte, lançou Quién Mató a Cristian Kusterman?, romance policial onde pela primeira vez aparece o detetive privado Cayetano Brulé, um cubano a viver no Chile. Com este policial, Ampuero ganhou o prémio de Romance do jornal El Mercúrio e também a admiração do público chileno que transformou esta obra num bestseller. A partir daqui, os romances com o detetive Brulé foram sempre êxitos comerciais, tendo sido editados em países como França. Alemanha, Itália Espanha e Portugal. Tal aconteceu com El Alemán de Atacama, em 1996, Boleros en la Habana e Encontro no Azul Profundo, lançado em 2001 e editado em Portugal no início de 2004.
Entretanto, em 1997, Ampuero mudou-se para a Suécia, tendo ido viver para Estocolmo, onde esteve três anos. Em 2000, foi morar para os Estados Unidos da América, no ano em que lançou Nuestros años verde-olivo, um romance autobiográfico sobre os anos que Ampuero passou em Cuba.
Já em 2003, lançou um novo policial, Los Amantes de Estocolmo, mas desta vez sem a personagem Cayetano Brulé. O enredo deste romance tem a particularidade de terminar em Albufeira, no Algarve.
Nos Estados Unidos da América, Roberto Ampuero é professor na Universidade de Iowa e no Middlebury College, ao mesmo tempo que assina uma coluna ao domingo no jornal chileno La tercera.
Escreveu ainda o argumento de Brigada Escorpión, a primeira série policial da televisão chilena.
Como referenciar: Roberto Ampuero in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-22 17:19:19]. Disponível na Internet: