Artigos de apoio

romance negro
Romance negro, ou romance gótico, é um subgénero literário nascido na Inglaterra, em meados do século XVIII, tendo como principal característica o terror, suscitado pelas situações do enredo e pela intervenção do sobrenatural. A narrativa de terror ou gótica penetra tardiamente em Portugal, já na terceira década do século XIX, altura em que se assiste ao surto do romance histórico, outro subgénero com o qual a primeira se vem confundir. É neste tipo de romance que comparecem os ingredientes habituais da literatura negra: cenários medievais, castelos e abadias geralmente em ruínas; paisagens sombrias e aterradoras; figuras de salteadores e vilões; espetros e cadáveres. Elementos do romance negro ou gótico estão, assim, presentes nos romances históricos como Eurico, o Presbítero (1844), de Alexandre Herculano, ou mesmo O Arco de Santana (1845-1851), de Almeida Garrett, mas também nas baladas em verso cujo paradigma é A Noite do Castelo (1836), de António Feliciano de Castilho.
Como referenciar: romance negro in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-06-24 04:42:51]. Disponível na Internet: