Romário de Souza Faria

Futebolista brasileiro, Romário de Souza Faria nasceu a 29 de janeiro de 1966. Apareceu na alta roda do futebol aos 20 anos, em 1986, com a camisola do Vasco da Gama, equipa do Brasil. Dois anos depois, em 1988, foi a estrela do torneio dos Jogos Olímpicos de Seul, na Coreia do Sul, onde se sagrou o melhor marcador da prova e liderou a equipa brasileira até ao segundo lugar do pódio.
Conhecido pela excelente habilidade e pelos dotes de goleador, Romário ganhou também a alcunha de "baixinho" devido à sua baixa estatura (1,69 metros) para a posição de avançado. Em 1994, formou com Bebeto a dupla atacante da seleção brasileira que ganhou o Campeonato do Mundo, nos Estados Unidos da América, batendo a Itália na final, e foi considerado o melhor jogador do torneio. Nesse ano foi ainda eleito o melhor futebolista do mundo, num prémio atribuído pela FIFA (a entidade máxima do futebol mundial). Além do campeonato brasileiro, jogou também na Holanda, pelo PSV Eindhoven, de 1998 a 1992, e no campeonato espanhol, ao serviço do Barcelona, na época 1993/1994. Em todos eles ganhou o título de melhor marcador. Após uma passagem pelo Flamengo, Romário ainda representou o Valência de Espanha durante duas épocas, entre 1996 e 1998. Depois de abandonar a Liga Espanhola, Romário voltou ao Brasil onde alinhou pelo Flamengo, Vasco da Gama e Fluminense,até que em 2006 viveu uma experiência no Estados Unidos da América ao serviço do Miami FC. Entretanto, em 2005, no Vasco da Gama, havia sido o melhor marcador do campeonato brasileiro com 22 golos.
Em 2002, muitos foram os brasileiros que pediram a convocatória do "baixinho" para o Mundial de futebol, contudo Luiz Filipe Scolari, na altura selecionador brasileiro, não cedeu à pressão e Romário não foi convocado por motivos de ordem disciplinar.
A 28 de abril de 2005 fez o seu último jogo pela seleção brasileira e marcou um dos três golos com que a equipa derrotou a Guatemala.
Como referenciar: Romário de Souza Faria in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-22 04:11:37]. Disponível na Internet: