Rui Dâmaso

Xadrezista português, Rui Miguel Dâmaso Pereira de Almeida nasceu a 24 de abril de 1968. Federado desde 1982 na Federação Portuguesa de Xadrez e mestre internacional desde 1990, Rui Dâmaso é terceiro no ranking nacional, com 2520 pontos e figura no atual ranking internacional com 2404 pontos. A sua melhor posição a nível mundial foi a 1 de agosto de 1997, com 2485 pontos, em que esteve mais ou menos no 200.º lugar.
A nível individual, Rui Dâmaso ganhou vários torneios internacionais, como o de São Paulo, no Brasil, em 1989, o de Sague la Grande, em Cuba, em 1990, o de Camaguey, também em Cuba, em 1990 e 1991, o Open Internacional de Córdoba, em Espanha, em 1993, os torneios internacionais de Santiago de Compostela, em 1995, da Corunha e de Sócuelhamas, em 1997, todos em Espanha, e ainda o Open Internacional de Mancha Real, em 1998, igualmente em Espanha. Entre as suas melhores participações internacionais consta também o Memorial «Casablanca», em Havana, Cuba, em 1991, em que ficou em segundo lugar, e o Open Internacional de Lêona, em Espanha, em 1998, tendo ficado em terceiro lugar. Refira-se também a participação de Rui Dâmaso no Campeonato do Mundo de Andorra, em 1987, em que ficou em 7.º lugar e o de Lisboa, em 1993, com o 4.º lugar.
Pela seleção nacional, esteve presente no Campeonato da CEE, em Itália, em 1987, no Campeonato dos Países de Expressão de Língua Portuguesa, no Brasil, em 1989, no Campeonato da Europa, em 1989, na Olimpíada de NoviSad, na Jugoslávia, em 1996, na Olimpíada de Manila, em 1992, no Campeonato da Europa de 1992, na Hungria, na Olimpíada de Moscovo, em 1994, na Olimpíada de Freven, na Arménia, em 1996, no Campeonato da Europa de 1997, na Croácia, e no Campeonato Mundial de Sub-26, no Brasil, em 1993, no qual obteve a medalha de bronze no primeiro tabuleiro.
A nível nacional, o xadrezista Rui Dâmaso foi campeão nacional juvenil (Sub-16) em 1983/84 e campeão de juniores (Sub-20) em 1987/88. É detentor de quatro títulos de campeão nacional absoluto nas épocas de 1986/87, 1993/94,1995/96 e 1998/1999, e vice-campeão nacional absoluto nas épocas de 1988/89 e 1992/93. Além disso, ficou colocado na 5.ºposição no Torneio Internacional da Cova da Piedade, em 1988, em quarto lugar no Open Internacional da costa da Caparica, em 1989, e nos torneios de mestres nacionais ganhou a edição de 1992 e ficou em segundo lugar nas edições de 1997 e 1999.
Como referenciar: Rui Dâmaso in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-14 09:57:02]. Disponível na Internet: