Russell Banks

Escritor norte-americano, nasceu em 1941, em Concord, New Hampshire, filho de um canalizador de temperamento aceso, e o mais novo de quatro irmãos. Roubou uma viatura aos dezasseis anos de idade para fazer uma corrida em corta-mato. Dois anos depois, renunciou a uma bolsa de estudo completa para a Universidade Colgate, com intenção de se juntar à revolução de Fidel Castro, em Cuba. Acabaria por obter o seu diploma pela Universidade da Carolina do Norte. Antes de se poder estabelecer como escritor, Banks teve que exercer profissões como picheleiro, vendedor de sapataria e lavador de janelas. A riqueza da sua escrita foi também acrescida pela variedade de ambientes em que viveu, como a Nova Inglaterra, a Jamaica e a Florida, onde se assumiu como um radical dos Anos 60, até ter passado a viver no estado de Nova Iorque.
Publicou o seu primeiro livro aos 35 anos, tendo ganho alguma popularidade como autor de crónicas. Com Cloudsplitter atingiu o que a crítica considerava como o auge de uma carreira, que foi recompensada com a atribuição de vários prémios literários, como o John Dos Passos Award, e o prémio da Academia Norte-Americana das Artes e Ciências, tendo sido finalista na entrega de dois prémios Pulitzer. Ensinou em várias instituições de ensino norte-americanas, incluindo a Universidade de Columbia, A Universidade de Nova Iorque e a conceituada Princeton. Casou com a poetisa Chase Twichell, de quem teve quatro filhas.

Como referenciar: Russell Banks in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-08-15 12:08:38]. Disponível na Internet: