tenacidade

Em mineralogia a tenacidade de um mineral consiste na resistência que este oferece ao ser tracionado (ou comprimido), dobrado, torcido ou cortado, isto é, a sua coesão.
Um mineral diz-se frágil quando se reduz a pó através de uma solicitação muito rápida (quartzo, diamante, pirite, por exemplo). Um mineral é maleável quando se reduz a lâminas finas por percussão, sendo séctil quando por corte se transforma em lamelas muito delgadas.
Um mineral que se pode transformar em fios é um mineral dúctil (cobre e ouro nativos, por exemplo). Um mineral que se deforma ao ser solicitado, mas que não recupera totalmente a sua forma inicial após a cessação da solicitação, é um mineral plástico. Neste caso, o mineral apresenta uma deformação permanente ou residual. Se, após a aplicação de uma força, o mineral toma a forma inicial, não apresentando qualquer deformação permanente, designa-se por elástico (moscovite e a biotite, por exemplo).
Como referenciar: tenacidade in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-09 05:41:00]. Disponível na Internet: