Thomas Harris

Escritor norte-americano, Thomas Harris nasceu no ano de 1940, em Jackson, no estado do Mississipi. Muito cedo acompanhou a família na sua mudança para Rich, a terra natal do seu pai, que aí se pôde tornar agricultor.
Atingindo a idade escolar, Thomas Harris frequentou as escolas locais até à conclusão dos seus estudos secundários, altura em que ingressou no curso de Estudos Ingleses da Universidade de Baylor, no estado do Texas. De forma a poder sustentar-se, começou a trabalhar à noite como repórter ao serviço do periódico News Tribune. Deu também início a uma série de contribuições para revistas literárias, sob a forma de contos de carácter macabro.
Obteve o seu diploma em 1964 e, como é tradição no seu país, empreendeu uma viagem pela Europa. De regresso aos Estados Unidos da América, preencheu o cargo de repórter de generalidades na agência noticiosa Associated Press de Nova Iorque. Teve portanto a oportunidade de tomar contacto com o submundo do crime e com mentalidades patológicas. Enriquecido com esta experiência, e contando inicialmente com a colaboração de dois colegas, terminou e publicou o seu primeiro romance em 1975, com o título Black Sunday. A obra contava a história de um grupo de terroristas islâmicos que planeiam um atentado, utilizando um dirigível publicitário para largar uma bomba sobre a assistência de um evento desportivo. Consituiu um sucesso e foi adaptada para o cinema, com o mesmo título, no ano de 1977.
Preocupado com a fiabilidade dos pormenores na edificação da sua ficção, Thomas Harris passou os seis anos seguintes mergulhado em tarefas de investigação, findos os quais publicou o seu segundo romance, Red Dragon (1981), e cujo enredo girava em torno de um agente do FBI que procura um assassino em série. Nesta obra apresentou a público a personagem que se iria tornou célebre, um psiquiatra de nome Hannibal Lecter, que enlouquece e passa a matar seres humanos com requintes de crueldade.
A personagem reapareceu no romance mais importante de Harris, The Silence Of The Lambs (O Silêncio dos Inocentes, 1988). Constituindo um sucesso de vendas a nível internacional, a obra relatava a investigação de uma agente federal que tenta seguir o encalço de um assassino alcunhado de Buffalo Bill, cuja mente hedionda faz com que mate raparigas e as esfole, com o intuito de talhar um casaco de pele humana. O livro foi adaptado para o cinema em 1991, com mesmo título, pela mão do realizador Jonathan Demme. A película tornou-se bastante popular, tendo sido galardoada com cinco Óscares da Academia de Cinema norte-americana.
Em 1999 apareceu uma continuação deste trabalho, Hannibal, romance que também foi convertido para a Sétima Arte em 2001, mas que não alcançou os privilégios da crítica e do público arrebatados pela obra precedente.
Como referenciar: Thomas Harris in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-16 14:12:31]. Disponível na Internet: