Thomas Wolfe

Escritor norte-americano, Thomas Clayton Wolfe nasceu a 3 de outubro de 1900, em Asheville, no estado da Carolina do Norte. O pai, dono de uma loja de lápides, enveredou pelo alcoolismo. A mãe, uma professora de espírito forte e empreendedor, não tardou a adquirir uma pensão e abandonar o marido, levando consigo o jovem Thomas, quando este contava apenas oito anos de idade.
Revelando-se um aluno exemplar e precoce, Thomas ingressou na Universidade de Chapel Hill aos quinze anos. A partir de 1917 começou a publicar contos e poemas nas publicações académicas e, nutrindo grande interesse pela escrita, decidiu prosseguir os seus estudos na Universidade de Harvard, com o intuito de se vir a tornar dramaturgo. Enquanto estudante da universidade, publicou a sua primeira peça de teatro em 1921, com o título The Mountains.
Em 1923 foi convidado a lecionar na Universidade de Nova Iorque, onde permaneceu em funções docentes até ao ano seguinte, altura em que decidiu partir em viagem para a Inglaterra. De regresso em 1925, conheceu Aline Bernstein, uma mulher ligada aos figurinos teatrais, mais velha do que Wolfe quase vinte anos. Apaixonaram-se, e Aline proporcionou-lhe o apoio financeiro necessário ao descolar da sua carreira. Tal veio a acontecer em 1929, quando Wolfe publicou o seu primeiro romance, Look Homeward Angel. Constituindo um sucesso de vendas imediato, a obra levantou grande bulício na sua Asheville natal, já que muitas das personagens eram facilmente identificáveis. Embora tivesse recebido ameaças de morte, Wolfe pôde estabelecer-se como escritor.
Retomando o protagonista de Look Homeward Angel, Wolfe apareceu ao fim de seis anos com Of Time And The River (1935), romance também de cariz autobiográfico, mas que se concentrava sobretudo nas experiências de viagem do seu autor. Durante a feitura do livro, Wolfe foi seriamente apanhado nas malhas do alcoolismo sofrendo, talvez em consequência, de síndroma depressivo crónico.
Em 1938, durante uma estadia em Seattle, Thomas Wolfe contraiu pneumonia, o que despoletou uma tuberculose que, por sua vez, lhe atingiu o cérebro. Levado para um hospital especializado em Baltimore, aí acabou por falecer, vítima de tuberculose cerebral, a 15 de setembro de 1938.
A título póstumo foram publicados The Web And The Rock (1939), You Can't Go Home Again (1940) e The Hills Beyond (1941).
Como referenciar: Thomas Wolfe in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-22 21:14:28]. Disponível na Internet: