Torre de Centum Celas

A Torre de Centum Celas, também conhecida como Torre de S. Cronélio, situa-se no concelho de Belmonte, distrito de Castelo Branco. É o que resta de um edifício construído em excelente silharia em granito nos inícios do século I d. C.
Tem planta retangular (15,5 x 13,27 metros) e teria tido originalmente dois pisos, com varandim no primeiro, constituído por colunata encimada por capitéis toscanos e telhado de duas águas. As paredes norte e sul seriam rematadas por frontão triangular. Mede de altura 12 metros.
Muitos foram os autores que se debruçaram sobre este monumento, considerado enigmático e de difícil interpretação. Surgiram, assim, propostas muito fantasistas acerca da sua funcionalidade, bem como outras, científicas mas nem por isso concordantes. Dentre estas últimas, houve quem lhe atribuísse a função de atalaia, reedificada por D. Dinis, santuário, praetorium (tenda do general ou zona central de acampamento romano) ou mansio (hospedaria) da via romana Mérida-Braga que passa nas imediações. Estudos recentes identificam-na como parte integrante de uma villa (casa de campo) romana. De facto, as escavações que aqui se têm processado a partir de 1990 permitiram identificar um conjunto de estruturas que não deixam margem de dúvidas à sua interpretação. Formavam salas, corredores e pátios, com diversas volumetrias e alturas, que integravam um conjunto edificado no centro do qual se destacava, também pela sua altura, o edifício que comummente se designa por Torre.
No século III deflagrou um incêndio no edifício, sendo de crer que se tivessem processado, então, algumas alterações estruturais, como sugerem, entre outros indícios, as janelas entaipadas ao nível do 1.º andar.
Os dados atuais de que dispomos permitem ainda afirmar que esta villa pertenceria a um proprietário ligado à atividade agrícola e possivelmente à exploração do estanho, uma vez que aí se encontraram escórias com elevada percentagem deste metal na sua composição.
A Torre de Centum Celas foi classificada como Monumento Nacional pelo decreto-lei 129/77, de 29 de setembro.
Como referenciar: Torre de Centum Celas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-18 18:59:34]. Disponível na Internet: