Toussaint-Louverture

General haitiano, de nome completo François Dominique Toussaint-Louverture (também aparece com a grafia L'Ouverture) e reconhecido como o Percursor, nasceu em 1743, perto de Cap-Français, Santo Domingo (atualmente Cap-Haitien). Filho de pais escravos, Toussaint foi um autodidata. Em 1791 desempenhou as funções de médico no exército de escravos que se revoltou contra o regime colonial francês. Depois da abolição da escravatura em 1794, o Percursor colocou-se ao lado dos agentes coloniais franceses contra a invasão britânica e foi promovido a general em 1795. A partir de então encetou uma persistente luta pela independência de Santo Domingo e, após a saída dos franceses, tornou-se vitalício da nova república. Contudo, a reação da França não se fez esperar. Em 1802, Napoleão enviou para o Haiti tropas comandadas pelo seu cunhado, o general Victor Emmanuel Leclerc, com a missão de esmagar a revolta. Toussaint foi derrotado, capturado e acusado de conspiração. Foi levado para França e encarcerado no Forte de Joux onde acabou por morrer no ano seguinte. É hoje glorificado como um dos fundadores e heróis do Haiti.
Como referenciar: Toussaint-Louverture in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-04 16:25:42]. Disponível na Internet: