Tratado de Karlowitz

Tratado de paz assinado entre o sultão otomano e a Santa Liga (constituída pelo Império, Veneza, Rússia e Polónia), a 26 de janeiro de 1699, após a vitória do príncipe Eugénio à Zenta sobre a Turquia. O seu nome vem da localidade jugoslava de Karlowitz, na Voivodina, sobre o rio Danúbio. Através deste tratado o sultão cedeu à Rússia Azov, ao Império a Transilvânia e a Hungria, com exceção do banato de Temesvár, à Polónia a Podónia e a Ucrânia ocidental, a Veneza a Moreia e a Dalmácia, com a supressão do tributo sobre Zante. Estas cláusulas foram depois alteradas pelos tratados de Passarowitz (1718) e de Belgrado (1739). Este tratado significa o princípio do fim do grande império otomano de Solimão, "o Magnífico".
Como referenciar: Porto Editora – Tratado de Karlowitz na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-19 03:43:11]. Disponível em