Vinicius Cantuária

Compositor e cantor brasileiro, Vinicius Cantuária nasceu em Manaus, no Rio de Janeiro. Depois da mudança da família para o Rio de Janeiro, funda, com 12 anos, o agrupamento Os Medievais, com alguns amigos do colégio. No final da década de 60, integra o projeto O Terço, ligado à estética do rock progressivo. Com essa banda, participa no Festival Internacional da Canção.

Em 1972, abandona O Terço e passa a trabalhar com Jorge Mautner, Gilberto Gil e Caetano Veloso. O primeiro êxito escrito por si foi a canção "Lua e Estrela", gravada por Caetano Veloso em 1981. A estreia a solo aconteceria no ano seguinte, com um álbum homónimo, com destaque radiofónico para a canção "Coisa Linda".

Em 1985, depois de gravar mais três longa-durações, parte em digressão internacional com Chico Buarque, no âmbito da promoção do disco Francisco. Em 1989, grava um disco em Portugal e passa um ano no país, com uma preenchida agenda de concertos.

Na década de 90, fixa-se nos Estados Unidos. É lá que grava Sol na Cara, um dos mais aclamados registos da sua carreira, com produção de Arto Lindsay. Os anos seguintes marcariam uma certa aproximação à eletrónica e ao cruzamento de géneros distintos com a bossa nova mais tradicional.



Como referenciar: Porto Editora – Vinicius Cantuária na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-08 21:37:42]. Disponível em