Vozes do Ermo

Volume de poesias, com um prefácio de Latino Coelho, em que este autor discute a questão da sobrevivência da poesia, apontando o papel fundamental que cabe às mulheres na garantia dessa sobrevivência. Nas composições, predominam a temática amorosa (veja-se o poemeto que preenche toda a primeira parte da obra, "O sonho e a realidade", a história de uma paixão iniciada num baile), bem como outros motivos caros ao ideário romântico: a religiosidade ("Confidências", "Pecadora"), a presença da Natureza ("primavera", "A andorinha", "O campo"), perante a qual se aviva a melancolia do sujeito poético ("Eu já não sei cantar!... minh'alma é tão sombria/ como um sepulcro enorme onde não entra a luz", de "Nostalgia do impossível").
Como referenciar: Vozes do Ermo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-15 03:10:22]. Disponível na Internet: