Walter Wager

Escritor norte-americano, Walter Herman Wager nasceu a 4 de setembro de 1924, no Bronx, em Nova Iorque, no seio de uma família de imigrantes russos, e faleceu a 11 de julho de 2004, em Nova Iorque, vítima de cancro e com complicações cardíacas.
Wager estudou na Universidade de Columbia e, depois, na de Harvard, onde se licenciou em Direito com 22 anos. Contudo, nunca chegou a exercer advocacia e preferiu ser editor do Jornal de Direito e Comércio Aéreo, em Chicago.
Aos 25 anos fez um mestrado em Direito de Aviação na Universidade de Noroeste e depois partiu para França para estudar na Universidade da Sorbonne, em Paris. Casou em 1951 em Paris com uma colega norte-americana, mas acabou por arranjar emprego em Israel, como conselheiro em leis no aeroporto de Telavive.
Em 1952 Walter Wager regressou a Nova Iorque e começou a escrever o seu primeiro romance, intitulado Death Hits the Jackpot, que foi editado em 1954 com o pseudónimo de John Tiger. O enredo envolve dois agentes da CIA que usam dinheiro da agência secreta para aplicarem no jogo.
Entretanto, foi trabalhar como editor no Secretariado das Nações Unidas. Publicou então o seu segundo livro, um romance de espionagem, assinado desta vez com o nome Walter Herman. Deixou as Nações Unidas e passou a escrever documentários para a rádio e artigos para revistas.
A partir de 1965 adaptou episódios da série de televisão "I Spy" a livros, tendo escrito um total de sete obras. Também adaptou a romance dois episódios da série "Mission: Impossible" ("Missão Impossível"). Assinou todas estas obras com o nome John Tiger.
Durante a década de 70 escreveu vários romances de espionagem, assim como três livros com um detetive privado como protagonista.
No início da década de 80 escreveu dois westerns, assinando com o pseudónimo Lee Davis Willoughby.
Em 1987 editou 58 Minutes que viria a ser adaptado ao cinema três anos mais tarde com o título Die Hard 2 (Assalto ao Aeroporto), um filme com Bruce Willis como protagonista.
Em 2002 lançou aquele que viria a ser o seu último romance, Kelly's People.
Como referenciar: Walter Wager in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-12-03 07:39:16]. Disponível na Internet: