Xolotl

Considerado pelos astecas irmão gémeo de Quetzalcoátl, era o deus da luz, que conduzia os mortos ao Mictlan. Era o senhor de Vénus, a estrela da tarde, que conduzia o Sol até ao seu desaparecimento e o acompanhava durante a noite, na viagem arriscada que efetuava no mundo subterrâneo.
Usualmente representava-se como um homem com cabeça de cão ou como um esqueleto.
Põe-se a hipótese de ter sido uma representação do planeta Mercúrio.
Como referenciar: Porto Editora – Xolotl na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-27 05:13:08]. Disponível em