Yitzhak Shamir

Político israelita e líder sionista, nasceu em 1915, na Polónia. Depois de estudar Direito em Varsóvia, emigrou para a Palestina em 1935, vindo a inscrever-se na Universidade Hebraica de Jerusalém. Em 1940 passou a pertencer a um movimento terrorista conhecido por Stern Gang. No ano seguinte, foi preso pelas autoridades britânicas, conseguindo escapar em 1946, após o que fugiu para França.
Regressou a Israel em 1948. Alguns anos mais tarde, em 1973, juntou uma série de pequenos agrupamentos políticos para formar o partido Likud e foi eleito para o Parlamento israelita pela primeira vez. Em 1980 foi nomeado ministro dos Negócios Estrangeiros e em 1983 foi eleito líder do Likud. Em 1984, Shamir e Shimon Perez, do Partido Trabalhista, formaram um Governo de coligação em consequência do resultado indeciso das eleições. Os dois ocuparam em alternância o cargo de primeiro-ministro. Em 1988, perante resultados eleitorais da mesma espécie, os dois partidos formaram nova coligação governamental com Shamir como primeiro-ministro. Em 1992 o Likud perdeu as eleições e o Governo de Shamir caiu, dando lugar a um Executivo mais moderado (disposto a negociar uma solução pacífica para o problema palestiniano, designadamente), liderado por Yitzhak Rabin e apoiado por uma maioria trabalhista no Parlamento.
Como referenciar: Yitzhak Shamir in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-09 02:47:28]. Disponível na Internet: