Academia Virtual - O Poder da Voz

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

A Morte de D. João

Poema de Guerra Junqueiro, de 1874, dedicado à memória de Alexandre Herculano, que aborda o tema do don-juanismo e da sua responsabilidade na corrupção dos costumes, manifesta na literatura dissoluta do romantismo. D. João, o protagonista, segundo o próprio autor, "resume em si tudo o que há de doentio na sociedade moderna: o idealismo, o tédio, as nevroses, a indiferença, a dúvida, os paradoxos, a falta de carácter", "anda nos cafés, nos boulevards, nos teatros, na literatura, nas igrejas e nas consciências". A intenção de justiça social subjaz ao desfecho, em que D. João morre de fome, por nada saber fazer, e coberto de pústulas.
O livro foi recebido com escândalo, tendo-se o autor visto na necessidade de defender o poema, no prefácio à segunda edição, das acusações de obscenidade e imoralidade, explanando a sua conceção de poesia como "verdade transformada em sentimento". Uma parte da crítica, contudo, aplaudiu o poema de Junqueiro. Oliveira Martins (num artigo publicado em Artes e Letras) considerou-o o símbolo da morte da "literatura doente", um testemunho da "revolução moral do nosso tempo", contra "a musa dos lakistas", "a musa dos lamartinianos", "a musa dos poetas líricos".
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – A Morte de D. João na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-10-01 18:25:33]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais