Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros
< voltar
< 1 min

adagiário

Coleção de adágios (ou provérbios, ditados, anexins, rifões). O adágio, à semelhança do apotegma, é um aforismo, isto é, uma forma resumida de exprimir um ensinamento. Distingue-se do apotegma pelo seu carácter popular.
A peça Eufrosina de J. Ferreira de Vasconcelos está repleta de provérbios e D. Francisco Manuel de Melo publicou em 1875 Feira de Anexins. Antes, em 1651, António Delicado reunira Adágios portugueses reduzidos a lugares-comuns.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – adagiário na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-22 15:20:22]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros