Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Adónis

Adónis, jovem extremamente gentil e formoso, nasceu de incesto de Ciniras, rei de Chipre, com Mirra, sua filha. Notabilizou-se por ser um caçador exímio.
Vénus amou-o com toda a intensidade, mas sofreu o grande desgosto de o ver quando um javali acabava de o matar. Todavia, Vénus metamorfoseou-o em anémona e ficou a chorá-lo desconsolada. Prosérpina, filha de Júpiter e de Ceres, deusa da agricultura, condoída do sofrimento e do pranto de Vénus, prometeu restituir-lho, nestas condições: Adónis ficaria no inferno durante seis meses do ano e estaria com Vénus os outros seis meses. Mas Vénus, porque o queria sempre junto de si, cedo desrespeitou aquelas condições, o que provocou, entre as duas deusas, um intenso e aceso debate, que só terminou com a intervenção de Júpiter, que resolveu o seguinte: Adónis seria livre durante quatro meses do ano, estaria com Vénus outros quatro meses e os restantes quatro meses seria companheiro de Prosérpina.
"A Morte de Adónis", de Sebastião del Piombo
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Adónis na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-18 21:45:57]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais