Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Alfred Schütz

Teórico australiano, Alfred Schutz nasceu em 1899. A ameaça nazi fê-lo emigrar para França em 1938 e para os Estados Unidos da América em 1939, onde permaneceu até à sua morte em 1959.
A obra de Schutz é uma tentativa para especificar o objeto da sociologia. Tem sido considerado responsável pela introdução da fenomenologia na ciência sociológica. Sofreu a influência de M. Weber, em quem se baseou no seu propósito de construir uma adequada teoria da ação social. Crítico da utilização dos métodos positivistas em sociologia, desenvolveu investigações sobre o mundo da vida propondo-se explicar como também pode ser científica uma sociologia que considere sumamente importante a ação humana. Segundo Schutz, é tarefa da sociologia reconstruir as tipificações de que é feito o senso comum. Todos os seres humanos interiorizam regras, conceções, receitas e informações construídas no decurso das suas experiências intersubjetivas e é esse "stock de conhecimentos" que permite presumir que todos partilhamos o mesmo mundo. A manutenção da sociedade deriva dessa presunção de partilha e não do conteúdo das crenças que são partilhadas. Entrou em discussão com Talcott Parsons da qual resultaram importantes clarificações no campo da teoria da ação e da Verstehen (compreensão), que defende que a sociologia não deve analisar a ação humana a partir do exterior mas sim a partir dos significados que os indivíduos atribuem aos seus próprios atos.
As suas principais obras: Collected Papers (1971); The Phenomenology of the Social World com T. Luckmann (traduzido em 1972); The Structures of the Life-World (1974).
Capa de "The Phenomenology of the Social World", de Alfred Schutz, que considera que o conhecimento comum corresponde a uma realidade comum e partilhada (Northwestern University Press, 1967)
Capa de "Collected Papers", de Alfred Schutz, um teórico australiano que tenta, na sua obra, especificar o objeto da sociologia (Kluwer Academic Publishers)
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Alfred Schütz na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-17 12:54:48]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais