Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Ana Bustorff

Atriz portuguesa nascida a 15 de novembro de 1959, no Porto. O seu sonho era ser bióloga e chegou a frequentar o 1.º ano de Biologia na Universidade do Porto, mas acabou por se apaixonar pela carreira de atriz. Frequentou o curso de Iniciação à Prática Teatral na Companhia Seiva Trupe onde, em 1977, se estreou como atriz na peça Contos Cruéis, de Jorge de Sena. A sua atividade no cinema iniciou-se em 1978, quase em paralelo à sua atividade teatral e, desde então, tem participado em inúmeros filmes, entre os quais Adão e Eva (1995), de Joaquim Leitão, que a tornou mais conhecida junto ao público português, por ter sido um sucesso de bilheteira no nosso país. Em 1994 e 1995, participou na série de humor Desculpem Qualquer Coisinha, uma paródia ao programa Perdoa-me (1994), seguindo-se a essa muitas outras interpretações em séries televisivas como Tudo ao Molho e Fé em Deus (1995), Pensão Estrela (1996), Solteiros (1998), a telenovela A Lenda da Garça (1999) e Pedro e Inês (2005). No cinema, podemos vê-la em filmes de destaque como Elles (Elas, 1997), de Luís Galvão Telles; Tentação (1997), de Joaquim Leitão; Sapatos Pretos (1998), de João Canijo; Zona J (1998), de Leonel Vieira; Inferno (1999), de Joaquim Leitão; Noites (2000), de Cláudia Tomaz, que concorreu ao Festival de Veneza de 2000; no telefilme História de Um Palhaço (2000); A Bomba (2001), também de Leonel Vieira; Portugal S.A. (2004), de Ruy Guerra; e no drama de Marco Martins, Alice (2005).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Ana Bustorff na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-17 06:04:06]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais