Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros
< voltar
< 1 min

ASCII

(American Standard Code For Information Interchange)
É um código standard de 7 bits proposto pela ANSI em 1963 e finalizado em 1968. Muitas fontes apontam também o trabalho desenvolvido em 1965 por Robert Bener como a sua origem.
O objetivo era alcançar compatibilidade entre vários tipos de equipamento de processamento. Atualmente, é o código base para o conjunto de caracteres standard de microcomputadores. Consiste em 128 números decimais no intervalo de 0 a 127 correspondendo a letras, números, marcas de pontuação e os mais comuns caracteres especiais. O conjunto de caracteres ASCII estendido consiste no básico mais 128 números correspondendo a caracteres especiais, matemáticos, gráficos e caracteres com sinais diacríticos (caracteres internacionais).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – ASCII na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-02 13:01:04]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros