Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Ashley Judd

Atriz norte-america, de nome verdadeiro Ashley Tyler Ciminella, nascida a 19 de abril de 1968, em Granada Hills, Califórnia, filha de Michael Ciminella e de Naomi Judd, cantora de música "country" juntamente com a irmã de Ashley, Wynonna. Frequentou a Universidade do Kentucky, onde se licenciou em Francês, em 1990, mas antes teve um percurso estudantil atribulado, tendo passado por 12 escolas em 13 anos. A sua carreira começa em 1991, com a série televisiva Sisters, mas a sua estreia no grande ecrã acontece com o filme Kuffs (1992). Participou ainda no filme Natural Born Killers (Assassinos Natos, 1994), de Oliver Stone, mas a cena em que atuou acabou por não ser incluída na versão final. Dos mais de 20 filmes em que já participou, contam-se, entre outros, Smoke (1995), Heat (Cidade Sob Pressão, 1995), A Time to Kill (Tempo de Matar, 1996), Norma Jean & Marilyn (1996, TV), Kiss the Girls (Beijos que Matam, 1997), Double Jeopardy (Duplo Risco, 1999) - em que substituiu Jodie Foster -, Where the Heart Is (2000), Someone Like You (2001), The Divine Secrets of the Ya-Ya Sisterhood (Os Divinos Segredos da Irmandade Ya-Ya, 2002) e Frida (2002). Ashley teve várias nomeações para os prémios da Sétima Arte, como para os Emmy em 1996 e os Globos de Ouro em 1997, com o Melhor Desempenho de uma Atriz numa mini-série para TV por Norma Jean & Marilyn (1996). Em 1996, foi considerada uma das "50 Pessoas Mais Bonitas do Mundo" pela People Magazine e a famosa Playboy Magazine dedicou-lhe um pequeno artigo em abril de 1996.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Ashley Judd na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-02 05:20:50]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros