Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Astúrias

Província do Norte de Espanha e um principado sob o patrocínio do herdeiro do trono espanhol, integrados na Comunidade Autónoma das Astúrias com a capital na cidade de Oviedo. Faz fronteira com as seguintes províncias: Cantábria a este, Leon a sul, Lugo a oeste, e a norte é banhada pelo mar Cantábrico (oceano Atlântico).

Tem uma superfície de 10 604 km2. A população absoluta da província de Astúrias é de cerca de 1 024 800 habitantes, o que equivale a 2,41% da população total de Espanha, tendo uma densidade populacional de 101,6 habitantes por km2 (dados do Instituto Nacional de Estatística espanhol, 2006).
Lago Enol. Lagos de Covadonga, Asturias.
Santuário de Covadonga (Cuadonga em asturiano), um santuário católico situado nas Astúrias (Espanha).

Localizada a noroeste, junto ao mar Cantábrico, na vertente norte da cordilheira Cantábrica, apresenta uma costa muito escarpada e recortada, formando praias, rias e cabos. Os rios são pouco extensos, mas de águas rápidas. Uma das áreas mais elevadas desta região corresponde aos Picos da Europa, que atingem os 2400 metros de altitude, e onde existe um parque natural. Estas condições oferecem várias oportunidades para os alpinistas e para os amantes de percursos pedestres assim como para os banhistas, junto à costa.

Nas áreas rurais asturianas produz-se a cidra e fala-se um dialeto local, o bable.

A região já era habitada pelos Celtas e depois pelos Astures no período anterior à romanização e foi do nome deste povo que se originou a designação de Astúrias. Posteriormente foi controlada pelos Árabes e no ano 730, no lugar de Pelayo, estabeleceu-se um reino que mais tarde daria lugar ao Reino das Astúrias.

As suas principais cidades, para além de Oviedo, a capital, são Gijón e Avilés, onde se concentra a maior parte da população, contrastando com as áreas de "vazio humano" que correspondem às regiões montanhosas. Tanto Santander como Oviedo são cidades universitárias importantes, com uma vida cultural intensa. A cultura asturiana é muito rica, possuindo um dialeto próprio, o bable.

A música, a dança e a gastronomia são variadas. A cozinha típica desta região é semelhante à da Normandia e da Bretanha, destacando-se a favada asturiana, os pratos de peixe e a famosa sidra, como a sua bebida mais típica. Aqui abundam os monumentos de arquitetura pré-românica e românica, como a Abadia de São João Batista, perto de Gijón. Também existem monumentos renascentistas e barrocos, como os palácios de Oviedo e Avilés.

Economicamente, é uma região deprimida, devido à decadência da indústria extrativa de carvão e da siderúrgica, mas é importante na produção de alumínio. A rentabilidade agropecuária é baixa, devido à fraca mecanização. Possui centrais termoelétricas e o turismo está em fase de desenvolvimento. O comércio e os serviços concentram-se nas cidades principais. A sua acessibilidade está em fase de desenvolvimento ao nível viário, o transporte ferroviário ainda continua lento e insuficiente no interior e o porto marítimo de Gijón, depois de ampliado, incrementou o seu tráfego nos últimos anos.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Astúrias na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-29 12:55:44]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais