Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Bamako

Aspetos Geográficos
Capital do Mali, Bamako é a maior cidade do país, localizando-se nas margens do rio Níger, a sudoeste. Situada a cerca de 1000 km de Dacar e de Abidjan, e a 400 km da fronteira com a Guiné, Bamako transformou-se numa espécie de cruzamento da África Ocidental, nomeadamente pela composição étnica variada da sua população. O crescimento demográfico tem sido muito intenso, tendo atingido já 1 690 000 habitantes (2006).
História e Monumentos
Um dos mercados de Bamaco
O local onde se encontra a cidade foi ocupado desde a Pré-História. Contudo, a cidade foi fundada no século XVI pelos Niakate. Em fins do século XIX, Bamako era uma aldeia fortificada de 600 habitantes, mas em 1883 os franceses, liderados por Borguis-Desbordes, ocuparam a mesma. Em 1899, tornou-se capital do Alto Senegal-Níger, e em 1920 do Sudão francês. Entre 1903 e 1907 foi construído o Palácio de Koulouba, que passou a ser a residência do Presidente da República a partir da independência do país, em 1960, data em que se tornou oficialmente capital do país. Em 1918, a cidade tornou-se um município misto. Em 1927, foi construída a catedral, e em 1931 a Casa dos Artesãos. Em 1947 foi construída a primeira ponte sobre o rio Níger, e no ano seguinte foi construída a grande mesquita da cidade.
Aspetos Turísticos e Curiosidades
O palácio que serve de residência ao presidente localiza-se numa "colina do poder", como é conhecida na cidade. No âmbito cultural, destaca-se o Museu Nacional do Mali, que propõe sempre diversas exposições que refletem a vida passada ou presente do país. Próximos deste situam-se também um jardim botânico e um parque zoológico. Merece também destaque o mercado rosa, construído no tempo da colonização, que é um dos pulmões económicos da cidade. Bamako alarga-se pelas duas margens do Níger, que é atravessado por duas pontes: a ponte dos Mártires (em memória dos manifestantes mortos em 1991 pelo regime de Moussa Traoré) e a ponte do Rei Fahd, da Arábia Saudita.

Economia
A cidade possui um porto fluvial e funciona como um importante centro de comércio regional. As suas indústrias, claramente dominantes no todo nacional, são essencialmente os têxteis, a carne e os produtos metálicos. O setor terciário, porém, é o mais desenvolvido, com destaque para o artesanato e o comércio. O aeroporto internacional de Senou situa-se a 15 km do centro da cidade, servindo também algumas cidades daquela região africana situadas fora do país.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Bamako na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-09-26 01:52:47]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros