Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Barbara Cartland

Escritora britânica, Mary Barbara Hamilton Cartland nasceu a 9 de julho de 1901, em Edgbaston, nas West Midlands. Acontecimentos trágicos tiveram lugar na sua família, o avô de Barbara suicidou-se após ter ido à falência, o pai morreu em combate no último ano da Primeira Grande Guerra, na Flandres.
Barbara Cartland estudou no Malvern Girls College e na Abbey House, em Netley Abbey, instituições para meninas de orientação religiosa. Viúva mas empreendedora, a mãe decidiu-se por abrir o seu próprio negócio na grande capital. Assim, montou uma loja de roupa em Kensington, bairro de Londres onde se situa o Castelo Real, a Oeste de Hyde Park, e onde se podem visitar os museus de Belas-Artes, História Natural e Ciência e Técnica.
Barbara Cartland debruçou-se na escrita do seu primeiro romance aos vinte anos, tentando depois acelerar o seu ritmo ao contribuir para jornais de nomeada como o Daily Express, não obstante contribuindo com colunas de mexericos.
A publicação do seu primeiro romance, Jigsaw, em 1925, veio confirmar a sua vocação e, pela popularidade, apresentá-la ao seu futuro esposo, Alexander George McCorquodale, com quem casou em 1927, tornando-se assim madrasta da Condessa Spencer, por sua vez parente por afinidade da falecida Princesa de Gales, Diana Spencer. Divorciou-se em 1935 para casar com um primo do seu primeiro marido.
Bastante prolifica, gabava-se de poder escrever um livro numa semana. Refletindo os antigos ideais românticos, aristocráticos e colonialistas do Império Britânico, publicou setecentos e vinte e três livros, tendo figurado no Guinness Book of World Records, por ter escrito vinte e seis no ano de 1983.
Como pequena amostra, publicou First Class, Lady? (1935), Yet She Follows (1945), Love Is An Eagle (1951), A Kiss of Silk (1959) e Running Away to Love (1994), chegando a assinar algumas das suas obras com o seu nome de casada, Barbara McCorquodale.
Faleceu na sua luxuosa propriedade nos arredores de Londres a 21 de maio de 2000.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Barbara Cartland na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-05 04:42:41]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais