Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Barragem da Valeira

A barragem da Valeira situa-se no distrito de Bragança, entre os concelhos de São João da Pesqueira (distrito de Viseu) e Carrazeda de Ansiães. Entrou em funcionamento em 1975 e é alimentada pelo curso de água do rio Douro.
A Valeira é uma barragem em gravidade, com 48 metros de altura.
Pertence à bacia hidrográfica principal do Douro e possui uma bacia hidrográfica própria de 4388,0 km2.
Barragem de Valeira, no rio Douro
A sua albufeira tem uma capacidade total de armazenamento de 98 540 x 103 m3 e uma capacidade útil de 13 040 x 103 m3, e apresenta uma superfície inundável ao NPA (Nível Pleno de Armazenamento) de 795 hectares. As cotas de água na albufeira são: NPA (Nível Pleno de Armazenamento) de 105,20 metros, NMC (Nível Máximo de Cheia) de 113,00 metros e NmE (Nível Mínimo de Exploração) de 103,50 metros.
A capacidade do descarregador é de 18 000 m3 /s e o escoamento médio anual de 15 137 hm3.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Barragem da Valeira na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-16 12:29:27]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros