Livros & Autores

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Esposende

Aspetos Geográficos
O concelho de Esposende, do distrito de Braga, localiza-se na Região Norte (NUTII), no Cávado (NUTIII). Situa-se na foz do Rio Cávado, a oeste de Braga e a norte da Póvoa de Varzim e a sul de Viana do Castelo. É limitado pelos seguintes concelhos: a norte pelo de Viana do Castelo (distrito de Viana do Castelo), a este pelo de Barcelos, e a sul pelo da Póvoa de Varzim. É o único concelho do distrito banhado pelo oceano atlântico o que lhe confere uma fisionomia particularmente diferente dos demais concelhos.
O concelho, com um área de 95,4 km2, compreende 15 freguesias: Antas, Apúlia, Belinho, Curvos, Esposende, Fão, Fonte Boa, Forjães, Gandra, Gemeses, Mar, Marinhas, Palmeira de Faro, Rio Tinto e Vila Chã.
Brasão do concelho de Esposende
Dunas na Área de Paisagem Protegida do Litoral de Esposende
Em Esposende, existe uma estátua em homenagem a D. Sebastião
Forte de S. João Baptista, em Esposende
Os campos de Masseira - uma forma de aproveitamento das dunas e das capacidades fertilizantes de elementos marinhos - são abundantes em Fão, uma vila do concelho de Esposende
Em 2005, o concelho apresentava 34 271 habitantes.
O natural ou habitante de Esposende denomina-se esposendense.
A morfologia do concelho apresenta três áreas distintas - a faixa litoral, seguida de uma área planáltica e os vales dos rios Neiva e Cávado. São abundantes os pequenos cursos de água que contribuem para a fertilidade dos solos.
História e Monumentos
Do património arquitetónico do concelho fazem parte a Igreja Matriz, do século XVI, a Igreja da Misericórdia, a Capela dos Mareantes, a Capela da Senhora da Bonança, o Santuário do Bom Jesus de Fão, a Capela de Nossa Senhora da Graça, a Capela de São Roque, a Igreja Paroquial de Curvos, os Paços do Concelho, o Castelo de São João Batista/Forte de Esposende, a ponte metálica de Fão sobre o rio Cávado e o pelourinho de Esposende.
Tradições, Lendas e Curiosidades
Em Esposende realiza-se uma feira quinzenal à segunda-feira. As principais romarias são o São João, a 24 de junho e a Nossa Senhora da Saúde a 15 de agosto.
O feriado municipal tem lugar a 19 de agosto.
As cadeiras e tapetes de "palha da lagoa", as cestas e tapetes de junco, as redes de pesca, a louça pintada à mão, a tapeçaria, os redenhos, as mantas de retalhos e os trabalhos em linho constituem os principais produtos do artesanato do concelho.
Economia
A atividade económica de Esposende apresenta-se bastante diversificada. Apesar da grande importância do setor primário, principalmente da agricultura, da agropecuária e em parte da pesca, observa-se uma dinâmica importante nos setores secundário e terciário. A indústria têxtil, a transformação de granitos e de madeiras, a metalomecânica e a construção civil, juntamente com o comércio e os serviços, constituem elementos fundamentais para o desenvolvimento económico do concelho. O turismo, assente nas características naturais, nomeadamente na sua orla marítima, é uma das fortes apostas de Esposende.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Esposende na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-06-27 23:00:16]. Disponível em

Livros & Autores

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros