Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Fernanda Abreu

Compositora e cantora brasileira, Fernanda Sampaio de Lacerda Abreu nasceu no dia 8 de setembro de 1961, no Rio de Janeiro, no Brasil. Filha de um arquiteto português e de uma bibliotecária carioca, Fernanda Abreu viveu uma infância sem grandes dificuldades, no seio de uma família de classe média-alta. Desde os 8 anos, habituou-se aos saraus de fim de semana, em Teresópolis, no lar de um casal amigo, onde se passava o tempo tocando e cantando o samba. Por recomendação de um ortopedista, a pequena Fernanda foi inscrita, com 9 anos, em aulas de ballet, aprendendo, além da formação básica em dança, os conceitos de disciplina, determinação, concentração, auto-exigência e superação. Nessa época, ela e o irmão participavam frequentemente em festivais escolares de música e grupos corais. O incentivo pelas artes levou-a, com o apoio dos pais, a frequentar cursos de inglês, guitarra e canto. Aos 18 anos, depois de seis meses de aulas, desiste do curso de Arquitetura e ingressa em Sociologia. A um ano de completar a formação nessa área, Fernanda Abreu entrou para o grupo Blitz e desiste da faculdade. É no Blitz que conhece Luiz Stein, com quem casaria em 1983. Cinco anos nos Blitz renderam-lhe três álbuns com bastante êxito, muitos espetáculos e viagens. Em 1986, o projeto Blitz dissolve-se, acabando um dos coletivos mais relevantes da pop brasileira dos anos oitenta. O próximo passo seria uma carreira a solo. Fernanda Abreu voltou a estudar guitarra e começou aulas de canto. Em 1989, quando já tinha algumas composições prontas para um disco a solo, Fernanda reencontra Herbert Vianna, líder dos Paralamas do Sucesso, com quem estivera pela última vez três anos antes, em Buenos Aires, numa atuação conjunta dos Blitz e dos Paralamas. Com Vianna, grava a fita demo. Depois de conhecer o técnico de som Evaldo Luna, Fernanda é convidada para algumas atuações no Rio de Janeiro e forma a sua primeira banda de suporte com Fernando Vidal (guitarra), Fábio Fonseca (teclas), Aurélio Dias (baixo) e Bodão (bateria). Era o início definitivo da carreira de Fernanda Abreu.
O disco chegaria às lojas em 1990, produzido por Herbert Vianna e Fábio Fonseca. O registo colheria uma ótima aceitação do público brasileiro e, a esse, seguir-se-iam outras edições que catapultariam o nome de Fernanda Abreu para a primeira linha da moderna música brasileira. Em 2006, Fernanda Abreu criou o seu próprio selo, Garota Sangue Bom. Pouco depois, gravaria o primeiro DVD do seu percurso, a convite do canal televisivo MTV, ainda na companhia dos mesmos músicos que a acompanham desde o início da carreira.
Discografia
1990, Sla Radical Dance Disco Club
1992, Sla 2 Be Sample
1995, Da Lata
1997, Raio X
2000, Entidade Urbana
2004, Na Paz
2006, MTV ao Vivo
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Fernanda Abreu na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-01 15:14:52]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros