Academia Virtual - O Poder da Voz

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

< voltar
< 1 min

Fernando Assis Pacheco

Poeta, ficcionista e crítico literário, licenciado em Filologia Germânica pela Universidade de Coimbra, onde, ainda estudante, participou em atividades teatrais, Fernando Assis Pacheco dedicou-se ao jornalismo, como colaborador de África, Bandarra, Cabo Verde, Caliban, Diário de Lisboa, Fenda, Nova, O Jornal, Sílex ou Vértice e coordenador do Jornal de Letras, Artes e Ideias, desenvolvendo ainda a atividade de tradutor (traduziu, entre outros, Gabriel Garcia Márquez e Pablo Neruda). A sua poesia, marcada, nos primeiros volumes, pela experiência traumatizante da guerra colonial, insere-se numa tendência realista, onde a denúncia social acolhe as inovações do experimentalismo e da pesquisa linguística.
Fernando Assis Pacheco
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Fernando Assis Pacheco na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-10-04 14:56:58]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais