Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

fidalgo

Esta palavra foi originada etimologicamente pela expressão filho de algo, descendente de alguém com posses ou de categoria social proeminente. Tradicionalmente, designa uma pessoa que pertence a uma classe superior por nascimento e não por nobilitação.
Terá passado ao uso português a partir do castelhano hijo d'algo, aparecendo em Portugal nos finais do século XII ou início do XIII e expandindo-se rapidamente a sua utilização a partir do século XIV.
Este estatuto tinha usualmente muitos direitos e privilégios, havendo também distinções entre os fidalgos: havia os fidalgos de grande solar (mais importantes e com maior grau de nobreza), solar notório, solar conhecido e de cota de armas ("guerreiros apenas, nobilitados pelos feitos menores de armas, às vezes sem terras ou título de família").
Estes títulos dependiam do maior ou menor poder social, económico e antiguidade comprovada da família, subdividindo-se ao longo dos tempos em muitos outros.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – fidalgo na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-25 21:52:38]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais