Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

George Lakoff

Linguista americano e professor de Linguística na Universidade da California, Berkeley (Estados Unidos da América), desde 1972. Completou o doutoramento em Linguística, em 1966, pela Universidade de Indiana. Lecionou na prestigiada Universidade de Harvard e na Universidade de Michigan.
O seu nome é uma referência no panorama da Linguística Cognitiva internacional, desenvolvendo presentemente investigação sobre os sistemas de metáforas existentes para conceitos como o tempo, os eventos, a causa, as emoções, a moralidade e a política. Trabalhou ainda sobre a interseção da Linguística Cognitiva com as ciências sociais, com a Filosofia, com a estrutura metafórica da Matemática e com o Processamento da Linguagem Natural.
De entre os seus principais títulos, salientam-se: Metaphors We Live By (com Mark Johnson) University of Chicago Press. 1980; Women, Fire, and Dangerous Things. University of Chicago Press. 1987; More Than Cool Reason. (com Mark Turner) University of Chicago Press. 1989; Moral Politics. University of Chicago Press. 1996; Philosophy In The Flesh. Basic Books, 1999; Where Mathematics Comes From: How the Embodied Mind Brings Mathematics into Being. (com Rafael Núñez). Basic Books. 2000.
George Lakoff pertence a comités editoriais de publicações de prestígio, tais como o Journal of Pragmatics, a revista Cognitive Linguistics, e a publicação Cognitive Linguistics Book, da Universidade de Chicago. É muitas vezes entrevistado pelos media devido ao trabalho que desenvolve sobre a linguagem usada pelos políticos, encontrando-se disponíveis na web muitas das entrevistas dadas.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – George Lakoff na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-12 00:15:00]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros