Livros & Autores

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros
< voltar
< 1 min

Ilha dos Amores

Coleção de poesias que revela a aproximação de Feijó à estética simbolista do vago e da sugestão, desde a composição inicial, Ilha dos Amores: "Com rumo ignorado/ Embarquei-me e parti no meu iate de Sonho,/ Por um luar de balada e um céu todo estrelado,/ Em busca do Arquipélago risonho/ Onde o Génio do Amor vive encantado."

À expressão subtil do lirismo amoroso ("Helénica", "Lady D. Juan", "Inês", "Puríssima", "Pálida e loira"), imbuída dos motivos da morte e do sonho, junta-se a isotopia do exílio ("Domingo em terra alheia", "Solilóquio do outono", "No campo").
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Ilha dos Amores na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-06-28 04:31:41]. Disponível em

Livros & Autores

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros