Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Inês de Medeiros

Atriz portuguesa nascida a 15 de abril de 1968, em Viena, na Áustria, filha do maestro António Victorino d'Almeida e irmã da atriz Maria de Medeiros. Desde a sua primeira aparição no filme A Culpa (1980), realizado pelo seu pai, conta já com uma vasta carreira cinematográfica. Após pequenas participações em Sem Sombra de Pecado (1983), de José Fonseca e Costa, Tempos Difíceis (1988), de João Botelho, e O Desejado (1988), de José Álvaro de Morais, radicou-se em França, onde filmou La Bande des Quatre (1988) e L' Enfant de l'hiver (1989). Regressou a Portugal para participar em Os Cornos de Cronos (1991), novamente sob a direção de José Fonseca e Costa e onde contracenou com o ator brasileiro Carlos Vereza. A partir de então, dividiu-se entre França e Portugal, participando em títulos como Adeus Princesa (1994), Casa de Lava (1995) e Ossos (1997), de Pedro Costa. Também tentou a realização, assumindo a direção das curtas-metragens Senhor Jerónimo (1998) e O Fato Completo (2002).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Inês de Medeiros na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-04 16:31:08]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros