Academia Virtual - O Poder da Voz

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

James Ellroy

Escritor norte-americano, Lee Earle Ellroy, que assina James Ellroy, nasceu a 4 de março de 1948, em Los Angeles, na Califórnia, e ficou conhecido pelos seus policiais negros, como The Black Dahlia (A Dália Negra).
Em 1958, a sua mãe foi assassinada na localidade de El Monte, onde viviam, e nunca se soube quem a matou. No ano seguinte, o pai, com quem passou a viver, ofereceu-lhe um livro sobre a polícia de Los Angeles, The Badge, de Jack Webb. Estes dois momentos, segundo revelou o próprio James Ellroy, foram determinantes na sua vida. Em The Badge era abordado, nomeadamente, o caso do assassinato de Elizabeth Short, semelhante ao da sua mãe e com o qual ficou obcecado e que viria a dar origem ao romance A Dália Negra.
Na sua juventude Ellroy andava frequentemente embriagado e envolvia-se em assaltos e burlas, acabando por ser preso. Este facto, associado a uma pneumonia, levou a que mudasse de vida e aos 25 anos foi trabalhar como caddy num campo de golfe, o que lhe deixava tempo livre para se dedicar à escrita, a sua verdadeira vocação.
Aos 31 anos, escreveu o seu primeiro romance, Brown's Requiem, logo seguido, em 1980, por Clandestine, relacionado com o assassinato da mãe. O primeiro destes romances seria editado em 1981 e o segundo em 1982. Ellroy, que entretanto se mudara para Nova Iorque, continuava a trabalhar como caddy.
Decorridos mais dois anos, lançou Blood On The Moon (Sangue na Lua), a que se seguiram, até 1986, Because the Night (No Escuro da Noite) e Suicide Hill (A Colina dos Suicídios), trilogia que tem por protagonista Lloyd Hopkins.
Ainda em 1986, Ellroy inovou ao editar Silent Terror, um romance que tinha por protagonista e narrador na primeira pessoa um assassino em série.
Finalmente, em 1987 deu início ao Quarteto de L.A., conjunto de obras que arrancou com A Dália Negra, livro que o consagrou definitivamente como um dos mestres dos romances sobre crimes. A obra daria origem a um filme com o mesmo nome, realizado por Brian de Palma, que estreou em 2006. Do Quarteto faz ainda parte L.A. Confidential, que em 1997 deu origem a outro filme, com o mesmo título, realizado por Curtis Hansom.
Paralelamente à carreira de escritor, Ellroy investigou a morte da mãe e, em 1994, publicou um artigo sobre o assunto na edição americana da revista GQ. Este artigo foi o ponto de partida para escrever o seu livro de memórias, que viria a lançar em 1996 com o título My Dark Places.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – James Ellroy na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-10-05 03:49:01]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais