Academia Virtual - O Poder da Voz

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jean Reno

Ator francês nascido em 1948, de seu nome verdadeiro Juan Moreno. Filho de pais espanhóis, que se refugiaram em Marrocos para fugir à ditadura franquista, Reno viajou para França com apenas 17 anos, tendo começado a estudar Artes Dramáticas. Começou por fazer teatro amador em Paris, alternando com participações secundárias em séries televisivas. A sua primeira incursão cinematográfica foi L'Hypothèse du Tableau Volé (1978), onde desempenhou um papel secundário. Continuou a colecionar pequenos papéis em filmes como Subway (1985) e Le Grand Bleu (Vertigem Azul, 1988). A sua primeira interpretação de destaque foi em Nikita (Nikita, Dura de Matar, 1990), onde personificou um assassino profissional. Mas a sua rampa de lançamento foi, sem dúvida, a comédia Les Visiteurs (Os Visitantes, 1993), onde a sua figura de cavaleiro medieval transposto para os tempos modernos conseguiu arrancar gargalhadas das plateias mundiais. Ator favorito de Luc Besson, acompanhou o realizador na sua aventura em Hollywood, tendo somado um franco sucesso com nova interpretação de assassino contratado em Léon (Léon, o Profissional, 1994). A partir daí, tornou-se presença constante em filmes como Mission: Impossible (Missão Impossível, 1996), Godzilla (1998), Ronin (1998), Les Rivières Pourpres (Os Crimes do Rio Púrpura, 2000), Rollerball (2002), Les Rivières Pourpres 2- Les Anges de l'Apocalypse (Os Anjos do Apocalipse, 2003) e The Da Vinci Code (O Código Da Vinci, 2006).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Jean Reno na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-10-03 13:05:00]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais