Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Lawrence da Arábia

Filme de aventuras realizado por David Lean em 1962, Lawrence of Arabia contou com a participação de um distinto conjunto de atores, entre os quais Alec Guinness, Anthony Quinn, Omar Sharif e, no papel principal, o estreante Peter O'Toole. Também dignas de nota são a fotografia, dirigida por Frederick Young, e a música, de Maurice Jarre. O filme baseia-se no romance autobiográfico do oficial e erudito inglês T. E. Lawrence (1888-1935), The Seven Pillars of Wisdom (Os Sete Pilares da Sabedoria, 1926). A ação começa com a morte, por acidente, do protagonista, que de imediato dá lugar a um recuo no tempo. Passa a acompanhar-se a participação de Lawrence no Médio Oriente durante a Primeira Guerra Mundial. Lawrence tivera por missão convencer as diversas tribos árabes a lutar contra a ocupação turca da região. No seu envolvimento, revela-se uma personagem de grande ambiguidade, entre a megalomania e o desânimo e entre a sua fidelidade aos interesses britânicos e a sua esperança no surgimento de uma unidade nacional árabe. Trata-se de uma obra marcante pela excelência das interpretações e pela originalidade da sua abordagem estética dos grandes espaços do deserto. Sob este ponto de vista, pode dizer-se que influenciou o cinema posterior, como é sensível, por exemplo, em The English Patient (O Paciente Inglês, 1996). Nos bastidores, houve uma luta árdua no sentido de David Lean persuadir o produtor Sam Spiegel em contratar Peter O'Toole para o papel principal, visto que este não contabilizava qualquer aparição cinematográfica. David Lean havia ficado impressionado com a prestação de O'Toole em Londres, onde representara em 1961 Hamlet. A escolha revelou-se acertada já que o ator irlandês reeditou com mestria a postura apaixonada e misteriosa de Lawrence, tendo sido nomeado para o Óscar de Melhor Ator. O filme venceu um total de sete Óscares, nomeadamente nas categorias de Melhor Filme, Realizador, Direção Artística (John Stoll), Fotografia (Freddie Young), Som (John Cox), Montagem (Ann Coates) e Banda Sonora Original (Maurice Jarre).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Lawrence da Arábia na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-14 02:14:54]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais