Academia Virtual - O Poder da Voz

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Luciano Pavarotti

Tenor de ópera italiano, Luciano Pavarotti nasceu a 12 de outubro de 1935, em Modena, e faleceu a 6 de setembro de 2007, na sua terra natal.

Ainda criança, entrou para o grupo coral de Modena, que o pai também frequentava, tendo sido esta a sua primeira experiência no meio musical.
Capa do álbum "Farewell Tour - The Best", de Luciano Pavarotti, editado pela Decca, em 2005
Luciano Pavarotti, tenor de ópera italiano

Embora inicialmente os seus planos apontassem para uma carreira no ensino, a sua participação, como Rodolfo, na ópera "La Bohème", no Teatro de Reggio Emilia, em 1961, trouxe-lhe reconhecimento imediato e abriu-lhe as portas para a consolidação de uma carreira como tenor.

Em muito pouco tempo, os seus dotes musicais começaram a ser requisitados.

Luciano Pavarotti fez, ao longo da sua vida profissional, inúmeros espetáculos e digressões por todos os continentes e em palcos tão distintos como o Madison Square Garden de Nova Iorque, o Estádio de Wembley de Londres, o Estádio Olímpico de Berlim, o Estádio Olímpico de Barcelona, o Hollywood Bowl e o Central Park de Nova Iorque.

Os seus papéis em óperas incluem, para além do já mencionado Rodolfo, na "La Bohème", Cavaradossi em Tosca, o Duque de Mântua em Rigoletto e Nemorino em L'Elisir d'amore, entre tantos outros.

Destacam-se da sua extensa discografia The 3 Tenors in Concert (1994) e The Three Tenors Arias (2000), álbuns gravados em parceria com José Carreras e Plácido Domingo; Pavarotti and Friends for War Child (1996), Pavarotti and Friends for Guatemala and Kosovo (1999) e Pavarotti and Friends for Afghanistan (2001), exemplos de trabalhos editados em comum com outros músicos, com objetivos solidários; La Bohème (1980), Rigoletto (1985), Il Trovatore (1986), Madama Butterfly (1987), La Traviata (1991), Macbeth (1993), I Lombardi (1997), Notte d'amore (1998), Quarant'anni per la Lirica (2001), Puccini (2004) e Luciano Pavarotti (2005), entre tantos outros álbuns, quer de ópera quer de coleções.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Luciano Pavarotti na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-10-04 15:22:50]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Palavras raras, palavras caras

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais