Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Mesão Frio

Aspetos Geográficos
O concelho de Mesão Frio, do distrito de Vila Real, localiza-se na Região Norte (NUT II), no Douro (NUT III) e situa-se a cerca de 40 km desta cidade, na margem direita do rio Douro. A norte e a nordeste encontra-se a serra do Marão e a sul encontram-se as serras de Montemuro e Leomil. É limitado a nordeste por Peso da Régua (distrito de Vila Real), a leste por Lamego (distrito de Viseu), a leste e sul por Resende (distrito de Viseu) e a oeste por Baião.
O concelho de Mesão Frio ocupa uma área de 26,9 km2, na qual se distribuem 7 freguesias: Barqueiros, Cidadelhe, Oliveira, Santa Cristina, São Nicolau, Vila Jusã e Vila Marim.
Brasão do concelho de Mesão Frio
Panorama do vale do Douro, em Mesão Frio
Em 2005, o concelho apresentava 4721 habitantes.
O natural ou habitante de Mesão Frio denomina-se mesão-friense.
Este concelho é um dos três concelhos da região do Baixo Corgo, área integrada na Região Demarcada do Douro. No seu extremo sudoeste, situa-se a povoação de Barqueiros, que separa os distritos de Vila Real e do Porto.
História e Monumentos
Do seu importante património arquitetónico destaca-se neste concelho a Igreja Matriz de S. Nicolau, o pelourinho e o antigo convento de S. Francisco (edifício da Câmara Municipal), a Igreja Matriz de Mesão Frio, a Torre do Pilar em Barqueiros, a Igreja Matriz de Oliveira, a fonte pública em Barqueiros, as igrejas de Cidadelhe e Vila Marim e os diversos solares existentes no concelho.
Tradições, Lendas e Curiosidades
No concelho de Mesão Frio ocorrem diversas festas como o S. Bartolomeu (24 de agosto) em Barqueiros; o S. Caetano (15 de agosto) e o S. Mamede (17 de agosto) em Vila Marim; o S. Gonçalo (segunda-feira a seguir ao Pentecostes) e o S. Vicente (22 de janeiro) em Cidadelhe; o S. Silvestre (31 de dezembro) em Vila Jusã; a Santa Rita (22 de maio) em Santa Cristina; a Nossa Senhora da Conceição (8 de dezembro) e o S. Martinho em Vila Jusã.
O feriado municipal é a 30 de novembro.
O artesanato tem alguma expressão no concelho, nomeadamente, a cestaria, a tanoaria e as miniaturas de barcos.
A nível cultural o museu de arte sacra é uma importante referência.
Economia
A economia deste concelho duriense é dominada pela cultura da vinha e pela produção de vinhos maduros. A maior parte da produção é coordenada pela cooperativa dos vinicultores.
O clima da região, temperado mediterrâneo, quente e seco no verão, favorece a produção de frutas, como laranjas, uvas, cerejas, ameixas e figos.
Apesar dos recursos naturais existentes, que favorecem a pesca e a caça, e do património arquitetónico, o turismo ainda tem um fraco impacto económico na região.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Mesão Frio na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-04 01:39:22]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais