Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

Nobreza Fundiária e Mercantilizada

Com o restabelecimento dos privilégios da nobreza portuguesa depois da Restauração, em 1640, a maior parte da aristocracia dedicou-se à produção vinícola, uma vez que eram extensos os terrenos na sua posse. A suportar este investimento dos latifundiários encontrava-se o Tratado de Methuen (1703), onde se privilegiava o comércio de vinho com Inglaterra. No século XIX inicia-se a distinção entre aristocracia e nobreza, pois tornaram-se vulgares as nobilitações de membros da burguesia com o intuito de criar uma classe dominante homogénea e estável. Até meados do século é frequente encontrar barões como donos de unidades de indústria e de produção agrícola, enquanto que os detentores de outros títulos nobiliárquicos se dedicavam preferencialmente à administração e à política. Contudo, a partir desta altura iniciou-se uma crescente atividade deste setor social ao capitalismo, ao comércio ou à indústria.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Nobreza Fundiária e Mercantilizada na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-21 07:18:39]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros