Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

ocultismo

Ocultismo ou ciência oculta é uma doutrina com teorias e práticas cujo objetivo é entender a vida, desvendando os segredos da natureza, da humanidade, do espírito, de tudo. O ocultismo acredita que há um propósito, um plano superior, na existência de qualquer coisa criada e na evolução do Universo.
O termo oculto (do latim occultus) pressupõe um "conhecimento escondido" por oposição ao conhecimento que a ciência convencional pode ver ou medir. Daí que o ocultismo remeta para um sentimento de mistério, indecifrável para a maioria dos mortais. Só alguns aparecem predestinados a decifrar o sentido das sombras do mundo sensível.
De acordo com o ocultismo, as principais leis da Natureza operam no mundo invisível muito mais do que no visível. O ocultista procura, por isso, entender as leis, as regras, as energias e as forças psíquicas que permitem toda a criação. A ciência oculta estuda a natureza na sua totalidade e nas relações desta com o ser humano.
Fernando Pessoa, na Mensagem, utiliza o ocultismo para criar o herói, o Encoberto que se apresenta como D. Sebastião. Procura uma certa legitimação da existência de um poder absoluto, de um chefe excecional, detentor do privilégio esotérico, capaz de realizar o sonho do Quinto Império.
Sobre o ocultismo Pessoa diz em carta a Adolfo Casais Monteiro: "Creio na existência de mundos superiores ao nosso e de habitantes desses mundos, em experiências de diversos graus de espiritualidade, subtilizando-se até se chegar a um Ente Supremo, que presumivelmente criou este mundo".
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – ocultismo na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-03 09:59:57]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais