Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Palmeiras

Clube de futebol brasileiro, o Palmeiras foi fundado a 26 de agosto de 1914, em São Paulo, por 46 adeptos de futebol de origem italiana entusiasmados com a visita ao país de duas equipas transalpinas. Na altura, o clube começou por chamar-se Palestra Itália.
Em 1915, a equipa disputou a primeira partida, tendo vencido o Saboia, de Votorantim, por 2-0. O primeiro golo foi obtido por Bianco.
No ano seguinte, o clube conseguiu entrar na Associação Paulista de Esportes Atléticos, mas perdeu o primeiro desafio por 7-0 frente ao Santos.
No fim do campeonato, o clube ficou em penúltimo e resolveu reforçar a equipa, destacando-se a contratação de Heitor. Em 1917, o campeonato correu bastante melhor com o Palestra Itália a chegar à final, onde perdeu com o Paulistano.
Em 1918, o clube decidiu abandonar o campeonato em protesto contra as arbitragens, mas os outros clubes da cidade pediram o seu regresso. Em 1920, o Palestra ganhou pela primeira vez o campeonato paulista. No entanto, quatro anos mais tarde, abandonou de novo a associação, desta vez por questões políticas.
Regressou em 1926 para ser campeão, feito que repetiu no ano seguinte. Entre 1932 e 1936, ganhou quatro títulos paulistas.
Em 1942, devido à Segunda Guerra Mundial, o clube mudou o nome para Palestra São Paulo e logo a seguir para o definitivo Palmeiras. No primeiro ano com nova designação foi campeão paulista.
Após duas décadas sem feitos de relevo, o Palmeiras construiu em 1963 uma grande equipa, com nomes como Vavá e Djalma Santos. Na década de 60 conquistou três campeonatos paulistas.
Em 1972, voltou a vencer o paulista, assim como se sagrou pela primeira vez campeão brasileiro. No ano seguinte o Palmeiras sagrou-se bicampeão nacional. Na equipa alinhavam jogadores como o guarda-redes Leão e Ademir da Guia.
Em 1976, Palmeiras conquistou de novo o campeonato estadual, mas só em 1993 voltou a obter tal trunfo. Mas o ano de 1993 ficou principalmente marcado pela conquista do Brasileirão, como então se designava o campeonato Brasileiro.
Em 1996, foi de novo campeão paulista, para, no ano seguinte, ser vice-campeão do Brasil. Nesta altura, o Palmeiras era treinado por Luiz Felipe Scolari, futuro selecionador de Portugal.
Em 2002, o Palmeiras desceu à segunda divisão do Brasil, campeonato que ganhou em 2003, assegurando o regresso ao escalão principal. Na equipa alinhava Wagner Love, que viria a ser uma das estrelas do CSKA de Moscovo que ganhou a Taça UEFA em 2005.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Palmeiras na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-09-25 22:20:21]. Disponível em

Livros e Autores

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais