Livros e Autores

Abelhas Cinzentas

Andrei Kurkov

A aldeia das almas desaparecidas

Richard Zimler

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Bom português

puder ou poder?

ver mais

trás ou traz?

ver mais

impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Peter Benenson

Ativista inglês nascido a 31 de julho de 1921 e falecido a 25 de fevereiro de 2005.
Peter Benenson, filho de um banqueiro judeu de origem russa, perdeu o pai muito cedo e foi criado pela mãe.
Frequentou como interno a Escola de Eton, uma das mais cotadas de Inglaterra, e desde logo se destacou como contestatário. Escrevia regularmente ao diretor a queixar-se das más condições da cantina, o que levou este a lamentar-se à mãe de Peter devido ao que chamava as suas tendências revolucionárias. Ainda durante o tempo que estudou em Eton, Benenson convencia os colegas a juntarem dinheiro para ajudar as famílias judias que, perseguidas pelos nazis na Alemanha, fugiam para a Grã-Bretanha.
Após concluir os estudos em Eton, Peter Benenson ingressou na Universidade Oxford, onde frequentou o curso de Direito.
Era já advogado quando, em 1961, fundou em Londres, Inglaterra, a Amnistia Internacional, uma instituição destinada a proteger os prisioneiros políticos e religiosos. A ideia de fundar esta organização surgiu depois de Peter Benenson ter lido um artigo num jornal que relatava a detenção de dois estudantes em Lisboa por terem feito um brinde à liberdade. A Amnistia Internacional veio a tornar-se na maior organização independente do mundo de defesa dos Direitos Humanos, contando com cerca de 1,8 milhões de membros, e ganhou o Prémio Nobel da Paz em 1977. A organização abriu uma secção em Portugal.
Após ter criado a Amnistia Internacional, Benenson dedicou os seus dias à instituição, tanto através da angariação de fundos financeiros como investigando, ele próprio, em diferentes países, a situação de presos políticos e religiosos.
No entanto, em 1966 distanciou-se da Amnistia Internacional. Converteu-se, entretanto, ao catolicismo e dedicou-se à oração e à escrita. Nos anos 80, fundou a Associação de Cristãos Contra a Tortura.
Peter Benenson passou os últimos anos da sua vida bastante doente, tendo morrido vítima de pneumonia a 25 de fevereiro de 2005, no Hospital John Radcliffe, em Oxford.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Peter Benenson na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-11-29 13:46:38]. Disponível em
Livros e Autores

Abelhas Cinzentas

Andrei Kurkov

A aldeia das almas desaparecidas

Richard Zimler

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Bom português

puder ou poder?

ver mais

trás ou traz?

ver mais

impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais