Livros e Autores

Abelhas Cinzentas

Andrei Kurkov

A aldeia das almas desaparecidas

Richard Zimler

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Bom português

puder ou poder?

ver mais

trás ou traz?

ver mais

impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

portulanos

Por este nome (apesar de também aparecerem mencionados como Carta-portulano, Livros de Mar e mais tarde Roteiros) eram conhecidos os registos medievais relativos às rotas marítimas e todas as suas especificidades, desde as distâncias e à representação no mar Mediterrâneo, das costas atlânticas até à Escandinávia e respetivos portos e obstáculos aos rumos. Quando se iniciou a navegação astronómica foram sendo introduzidos novos elementos, referentes à latitude.
Coloca-se a hipótese de a origem destas cartas de marear remontar à Antiguidade; contudo, as mais antigas que se conhecem (de Carignano e de Pisano) datam da segunda metade do século XIII. Tal faz também crer que teriam sido os genoveses ou os venezianos os inventores deste sistema, colocando-se igualmente a hipótese de terem sido os catalães ou os portugueses. Destacam-se os portulanos de Pedro Reinel (séc. XV) e dois outros (que se encontram na Torre do Tombo e na Biblioteca Estense de Módena) de fatura anónima, de origem portuguesa. De realização italiana e catalã são de realçar os de Andrea Bianco (séc. XV), de Visconti (séc. XIV) de Dulcert (séc. XIV) e de Maciá Villadestes (séc. XV).
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – portulanos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-11-28 07:19:28]. Disponível em
Livros e Autores

Abelhas Cinzentas

Andrei Kurkov

A aldeia das almas desaparecidas

Richard Zimler

A Intuição da Ilha

Pilar del Río

Bom português

puder ou poder?

ver mais

trás ou traz?

ver mais

impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais