Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros

retórica literário-cultural

Refere-se à teoria das figuras como fundamento do estilo. Relativamente à retórica antiga, trata-se de uma retórica da elocutio, reduzida nas suas partes de natureza lógica, a inventio e a dispositio. Monumento e expressão máxima desta retórica é a obra de Pierre Fontanier, Les Figures du Discours, publicada entre 1821 e 1830 e referida por G. Genette como A Retórica das Figuras e pelo mesmo caracterizada como uma das obras-mestras da retórica clássica e a sua forma mais representativa e perfeita.
É uma retórica do funcionalismo régio, do século XVI ao século XIX, e público, a partir dessa data integrada na ciência civil, representando a mais elevada formação do Homem. Com efeito, ela vai estar na origem de uma das maiores revoluções culturais do Ocidente: a cultura literário-pedagógico-didática, que no século XX vai ser alargada à massa da população. Nela se forma o literato-intelectual-escritor, o qual, abraçando a língua nacional, quer ser ouvido por reis e súbditos, a quem pretende agradar instruindo. Dela vai nascer essa nova realidade, mais tarde apelidada de literatura, seja sob a forma de ficção, seja sob a forma de relato histórico, seja, ainda, sob essa forma estranha, na época, de ensaio, como foi o caso de Montaigne.
Esta retórica literário-cultural situa-se já não na esfera do indivíduo singular, ator linguístico-retórico, mas da cultura, que passa a prestar um relevante serviço à política.
Na origem desta mudança estão três factos:
1) a deslocação da cultura das universidades e mosteiros para a sociedade civil - cortes, palácios comunais, residências burguesas, ateliers artesanais;
2) vulgarização da língua nacional por filósofos, escritores, historiadores e sábios;
3) a rápida expansão da imprensa.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – retórica literário-cultural na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-28 21:55:10]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Jogo dos erros